sábado, 19 de dezembro de 2009

A origem do Anjinho

Sabem por quê as árvores de Natal têm um anjinho em cima?

É uma longa historia…
Na véspera de um dia de Natal, muito antigamente, Papai Noel estava muito aflito porque ainda não tinha embrulhado todos os presentes, uma das suas renas tinha fugido e outra estava com uma pata quebrada.
Desesperado foi beber um copo de vinho, foi até a adega, mas tinha acabado todas suas garrafas.
Resolveu então comer alguma coisa, mas os ratos tinham comido tudo.
Para alegrar-lhe ainda mais a vida, sua mulher avisou-o que sua sogra viria passar o Natal com eles.
No meio do desespero, batem-lhe à porta.
Com a pressa de abrir, tropeçou e bateu a cara na maçaneta, começando a sangrar.
Abriu a porta neste lindo estado e aparece-lhe um anjinho dizendo com uma voz doce e suave:
-Olá Papai Noel! Boas Festas! Venho visitar-te neste dia tão feliz, cheio de paz e amor. Trago de presente esta árvore de natal. Onde é que queres que eu a coloque?

4 comentários:

Carol -' disse...

Sou péssima para sacar as coisas!
Não entendi
UAHEAUHEAHEAU

Monique Rosa Brasil disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Monique Rosa Brasil disse...

Não entendi também, mas sou ótima para sacar as coisas (e uma arma se for preciso).

LuEs disse...

Galera, o Papai Noel empalou o anjinho!

Mas, então, acho que em ez de ter espetado o anjinho na árvore, acho que o bom velhinho deveria ter sacado a arma e dado um tiro na própria cara. Se no Natal, que supostamente é uma data feliz, aconteceu tudo isso... nem imagino o que aconcia nos outros dias.